domingo, 13 de dezembro de 2015

Retrospectiva 2015

Este post não estava dentro dos meus planos, mas o tédio dominical falou mais alto e resolvi relembrar os acontecimentos memoráveis do ano que está prestes a acabar.

Retrospectiva 2015 do blog do madruga
A presidente demonstrou toda a sua incompetência e inépcia, afundando com força o nosso Brasil varonil. Preparem seus respectivos cus, pois ela já prometeu afundar ainda mais o país caso sobreviva ao processo de impeachment iniciado pelo bandido que preside a Câmara dos Deputados.

Nada é tão ruim que não possa piorar
A Europa ocidental acelerou em 20 anos o seu processo de islamização. Entendo que se trata de uma questão humanitária, mas reflitam comigo: ao mesmo tempo que a população europeia nativa diminui por voluntariamente optarem por não ter filhos, eles acolhem milhões e milhões de pobres desesperados e desqualificados que não farão o menor esforço para assimilar a cultura europeia. Vai dar merda!

Parece cena de The Walking Dead, mas não, é só a Europa caminhando para sua própria destruição
O ano de 2015 também contou com o crescimento monstruoso do Estado Islâmico no Iraque e no Levante - um grupo terrorista bilionário e que ocupa um território maior que muitos países por aí.

Outros grupos que tiveram destaque em 2015 foram a al-Qaeda no Yemen, responsável pelo ataque ao Charlie Hebdo; e o Boko Haram, que mata bem mais gente que o Estado Islâmico, mas eles têm atuação restrita ao norte da Nigéria e o fato é que o Ocidente não se importa com a morte de africanos.

Estado Islâmico: fazendo o ocidente sentir saudade da época do Bin Laden
Sei que só citei desgraça até agora, então vamos falar de coisa boa: 2015 também foi ano de Justiça dos EUA, um país sem tradição futebolística, botando a FIFA de joelhos.

Abre o olho, Blatter
E foi ano de Justiça do Brasil, um país sem tradição em fazer justiça, botando empreiteiros, banqueiros e até um Senador no xilindró. 

André Esteves a caminho de sua nova residência: o Condomínio Residencial Bangu Eight
Ah, sim, no quesito coisa boa também tivemos a bunda da Paolla Oliveira: 

 
Ok, acabaram as coisas boas, vamos voltar a falar de desgraça. 

Também foi ano de crescimento vertiginoso do feminismo branco: meninas de classe média pagando de oprimidas na internet por meio de hashtags. 

Abaixo um vídeo que vem capitaneando o movimento das rycas oprimidas, uma música cantada pela Clarice, a "sobrevivente": branca, olhos claros, hipster, filha de diretor da globo, garota propaganda do Pão de Açúcar, enfim, uma verdadeira vítima do machismo opressor, não é verdade? 

 

E aí, o que acharam do ano? De minha parte, fiquei com a sensação de que o mundo andou mais para trás do que para frente.

Volto ainda este ano com outro post. Abraço!

18 comentários:

  1. Tirando o avanço no patrimônio e o título do meu time que levou à disputa da libertadores do ano que vem... foi um ano ridículo...

    Que ano que vem seja melhor porque esse é pra esquecer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SM, e só pra constar

      meu patrimônio não avança dos 60 para os 70k há 6 meses... e pela minha projeção não vai ser no fec de dezembro que verem a sétima dezena completada hehe

      seguimos firmes...

      Excluir
    2. Pô, somos dois empacados nos 60k, então! Tá foda!

      Excluir
  2. Em termos de Brasil e Mundo, várias acontecimentos a lamentar.

    No que tange ao meu particular; várias conquistas e objetivos alcançados. Estou em vôo de cruzeiro.

    ResponderExcluir
  3. Em termos de Brasil e Mundo, várias acontecimentos a lamentar.

    No que tange ao meu particular; várias conquistas e objetivos alcançados. Estou em vôo de cruzeiro.

    ResponderExcluir
  4. Madruga vc vai superar os 70k esse mês, pode ter certeza.
    Vc poderia também mostrar as marcas de visualizações do blog como meta, por exemplo quando chegar as 50 mil visitas vc poderia escrever um post sobre a marca, e assim por diante.
    Madruga existe um canal de sátira ao feminismo no YouTube chamado Fernanda Minazzi, eu cheguei por acaso digitando gordofobia no YouTube, veja lá usando essas palavras de busca vc vai ver a crítica.
    Ass: Conde de Monte Cristo

    ResponderExcluir
  5. Esse vídeo sobre a gordofobia é hilário, mas o melhor é sobre a redução da maioridade, esse nome é um trocadilho que faz Fê Minazzi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei do trocadilho. Já até curti a menina no Facebook para irritar algumas pessoas que tenho na lista de amigos.

      Excluir
  6. Como disse o sábio Viver de Aluguel, o mundo pode estar pior, ou talvez esteja a mesma coisa, só que a imprensa fica jogando um monte de desgraças nas nossas tvs.

    No entanto, meu patrimônio aumentou, meus rendimentos de fiis estão maiores e em 2016 vão se firmar ainda mais.

    Como capitalista, estou preocupado com minha grana, minhas viagens a praias belíssimas e minhas companheiras de viagem.

    Já sonhei em salvar o mundo e me fudi, fiquei gordo e pobre. Agora é hora de ter 4% de gordura e 5M em ativos.

    Abs

    Ex Socialista

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ex-socialista, para que você está no caminho certo, meus parabéns.

      Também já sonhei em salvar o mundo, hoje só quero salvar minha própria vida mesmo.

      Abraço.

      Excluir
  7. Nós investidores que fazemos nossos anos serem bons, pois tirando doenças e acidentes, é nossa responsabilidade aumentar nossa grana.

    Sempre houve corrupção no Brasil, sempre vai haver, nunca vai acabar. Infelizmente é a realidade.

    Lembro que fiquei empolgado com o impeachment do Collor, o país não se tornou um paraíso da ética, da moral ou dos bons costumes desde então. Acredito que no caso atual, esse é mais um sonho da Globo e da Veja, as donas do Brasil.

    De outro lado, nossos fiis são os melhores do mundo, pois não pagam IR, nossa taxa de juros dá muita grana para quem empresta ao governo.

    A coisa mais importante do Universo é o MEU DINHEIRO.

    Sobre a Europa fez muita merda. É bacana ver o que o avanço da Civilização significa que a mulher pobre estuda, não produz soldados, operários; prostitutas e empregadas domésticas. Com isso tem de "importar " pobres da Argélia e do resto do mundo para os serviços sujos e mal pagos.

    O irônico é o Velho Mundo se divertir em casas de Swing, vide Bélgica, Itália, França e Suécia, cujo Rei vai para suruba com a proteção do Serviço Secreto.

    Pelo jeito pode haver uma 3ª Guerra Mundial na Síria. O mais importante é saber escolher boas ações que vão me dar lucro, pois ficar triste pelos mortos não vai pagar meu aluguel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Brasil como conhecemos hoje nasceu em 1808 e ele foi literalmente criado para servir de teta para ser mamada por quem quer que esteja no poder.

      Tô 100% de acordo com tudo que você escreveu no seu comentário.

      Abraço!

      Excluir
  8. Madruga.

    Concordo plenamente na parte da Europa estar recebendo todo aquele povo doido.

    O Multiculturalismo vai destruir a Europa, como faz com o Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É foda vidinho, tô curioso para ver o que vai acontecer por lá.

      Excluir
  9. A questão é que a pobretona europeia quer fazer pos graduação e talvez ter filhos aos 335 anos.Nesse momento ela está caída e é muito mais difícil encontrar homem que queira uma mulher já passada.


    Com isso,nascem poucos pobres, então a Europa precisa de lixeiros e pedreiros, putas e empregadas domésticas que trazem suas culturas.

    Tudo acontece por conta do dinheiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que quanto mais desenvolvido menos as pessoas querem ter filhos.

      O Japão é o país que está mais perto do colapso por estar abarrotado de idosos e com poucos jovens.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...